segunda-feira, 29 de agosto de 2016

Profecia atribuida a Dona Neila Alckmin parece estar se cumprindo


Esta profecia é atribuída à Dona Neila Alkmin, uma vidente que escrevia na revista MANCHETE.

Nos anos 80, César Cals era Ministro das Minas e Energia, a seu pedido Neila Alckmin fez um mapa onde estariam as reservas de petróleo e também minérios no Brasil.

E, segundo dados da época realmente foram encontradas as citadas reservas.


elfandarilha


A profecia

"A filha distante de vermelho e sem amor pela nossa terra se elegerá graças aos votos de Minas Gerais. 
Tomará posse usando vermelho, mesmo diante da enorme tragédia que acontecerá pouco antes no Brasil, ofendendo aqueles que prezam o luto. Haverá apenas um lenço branco. Um governo triste e sombrio, porem breve, se iniciará sob o signo da tragédia das pedras.
Governará ate o dia da grande festa dos soldados, de onde sairá para o hospital. A doença invisível que lhe corrói as entranhas mostrará sua força como nunca antes visto. Lutará e receberá medicação dos americanos que despreza. Sua agonia será forte e intensa. 
O Turco Branco tentará inutilmente se mostrar contrito e respeitoso, mas conspirará na grande casa branca perto do lago, ajudado pelo homem dos cabelos negros que foi falso amigo de Tancredo. Serão dias e noites de traição e disputas espúrias e de agonia no grande hospital dos patrícios. 
O Brasil sofrerá com os conchavos e a incerteza. Virão dias de medo e ameaças. Nunca foi amada e o povo acompanhará sua agonia distante. Não terá povo no seu funeral próximo ao carnaval.”

A interpretação:

“A filha distante (descendente de búlgaros) de vermelho e sem amor pela nossa terra se elegerá graças aos votos de Minas Gerais (para muitos a vitória apertada aconteceu pelos votos em MG).

“Tomará posse usando vermelho, mesmo diante da enorme tragédia que acontecerá pouco antes no Brasil, ofendendo aqueles que prezam o luto (saberemos em breve caso aconteça uma tragédia no Brasil um pouco antes da posse).”

“Haverá apenas um lenço branco. Um governo triste e sombrio, porém breve, se iniciará sob o signo da tragédia das pedras (a profecia fala em uma tragédia com pedras, provavelmente ao final de dezembro de 2014 perto da posse).” 

Observação complementar postada em 10 de novembro: "iniciará sob o signo da tragédia das pedras" pode ser uma referência não a um acidente ou desastre com pedras, mas sim ao próprio escândalo da Petrobras, o petrolão (petro = pedra). Será?

“Governará ate o dia da grande festa dos soldados (7 de setembro, provavelmente de 2015 ou mais tardar 2016 pois a profecia fala em um governo breve), de onde sairá para o hospital. A doença invisível (câncer, tratou de um linfoma em 2009) que lhe corrói as entranhas mostrará sua força como nunca antes visto. Lutará e receberá medicação dos americanos que despreza. Sua agonia será forte e intensa.”

“O Turco Branco (a família de Temer veio do norte do Líbano) tentará inutilmente se mostrar contrito e respeitoso, mas conspirará na grande casa branca perto do lago (Palácio do Planalto), ajudado pelo homem dos cabelos negros que foi falso amigo de Tancredo (difícil dizer quem seria esse homem profetizado pela vidente, atualmente que eu lembre temos apenas dois remanescentes vivos da época de Tancredo que tinham aproximação ideológica com ele e exercem funções de destaque no Congresso: Sarney e Aloysio Nunes, sendo que o mandato do primeiro vai até início de 2015 e do segundo até 2018).”

“Serão dias e noites de traição e disputas espúrias e de agonia no grande hospital dos patrícios (patrício segundo o dicionário significa “conterrâneo”, ou seja, o hospital dos patrícios de Temer é exatamente o Sírio Libanês).”

“O Brasil sofrerá com os conchavos e a incerteza. Virão dias de medo e ameaças. Nunca foi amada e o povo acompanhará sua agonia distante. Não terá povo no seu funeral próximo ao carnaval. (a profecia prenuncia a morte em fevereiro ou março, época próxima ao carnaval)”.                                                                                                                             
                                    
 * Fonte: Quatro Cantos.Com 


“O melhor comentador da profecia é o tempo.” ― Padre Antônio Vieira ―


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é sempre bem-vindo