terça-feira, 9 de junho de 2015

Cadeados do amor serão substituídos por painéis de Arte Urbana


A Ponte das Artes ou Passerelle des Arts sobre o rio Sena, junto ao museu do Louvre, em Paris, tornou-se desde 2008, a ponte dos cadeados do amor. 

Mas, o peso de quase um milhão de paixões foi demais para a ponte, depois de alguns anos. 45 toneladas de amor, em forma de cadeados, eram uma ameaça à segurança, desde o verão passado quando, parte da grade caiu devido ao peso. A ponte foi evacuada e esteve fechada ao público. 

O vice-presidente da Câmara de Paris, Bruno Julliard, explicou as razões para a retirada a partir de 01 de junho de 2015.

“Quando havia dezenas de cadeados, ou mesmo centenas, podíamos pensar que era agradável. Era um pouco transgressivo, nem sempre respeitava o patrimônio nacional, mas era uma iniciativa interessante, bonita de ver e comovedora. Mas ao longo dos anos chegou a uma proporção tal que em termos de segurança e estética, já não é admissível”. 

Onde estavam toneladas de cadeados serão expostos painéis de Arte Urbana. Poderão ser vistas 
obras dos franceses Jace e Brusk e do franco-tunisino El Seed, além de Pantónio, todos convidados pela câmara parisiense, em conjunto com a galeria Itinerrance. As obras ficarão expostas temporariamente, já que estes painéis serão substituídos por outros, de acrílico, que serão instalados depois do verão.

A moda dos cadeados do amor, existe em outros países, como Rússia, China, Alemanha, e, em larga escala, na Itália. 

Fotografias do dia de casamento ou de outros bons momentos do relacionamento eram também comuns.

elfandarilha© Reuters


Imaginação não faltava nos milhares de cadeados que estavam na Ponte das Artes e que agora foram retirados por questões de segurança devido ao peso excessivo.

 title=© Reuters


Os mais crentes inscreveram as juras de amor no próprio cadeado antes de o prenderem à ponte e lançarem as chaves ao rio Sena.

 title=© Reuters



O motivo para se retirar as lembranças da Passerelle des Arts está relacionado com o peso que comprometia a segurança. No verão passado, uma das grades metálicas acabou caindo.

 title=© Reuters


Os desejos futuros para a relação, os casais também mandavam gravar nos cadeados do amor.

 title=© Reuters


Não faltavam as declarações de amor à cidade do amor, muito usados pelos apaixonados de Paris.

elfandarilha© Reuters


Outros preferem escrever no momento em que selam as suas promessas. E lá estavam cadeados de casais portugueses.


 title=© Reuters


A ponte esteve fechada ao público até dia 7. Segundo a câmara, os cadeados representavam "uma degradação permanente no patrimônio e um risco à segurança dos visitantes, parisienses e turistas".

 title=© Reuters


Esta operação na Passerelle des Arts não tem aprovação de vários casais que iam a Paris especialmente para deixar a sua marca naquela ponte.

© Reuters


Para substituir os cadeados, a autarquia vai colocar, no outono, algumas obras de arte contemporâneas, onde vai estar representado o trabalho do artista português Pantónio.

 title=© Reuters


* Em Paris, todo mundo quer ser um ator; ninguém se contenta em ser um espectador. - Jean Cocteau -



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é sempre bem-vindo

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.